Os Melhores Mestrados Para o Mercado De Trabalho, Segun

21 Mar 2019 12:06
Tags

Back to list of posts

<h1>Ensino &agrave; Dist&acirc;ncia</h1>

<p>S&atilde;o Paulo - Mestrados profissionais s&atilde;o p&oacute;s-gradua&ccedil;&otilde;es stricto sensu formadas a come&ccedil;ar por uma procura do mercado de servi&ccedil;o e t&ecirc;m grade hor&aacute;ria que h&aacute; centenas de cursos desta modalidade permite aos alunos conciliar profiss&atilde;o e estudo. No Brasil, outras dezenas entre centenas desses programas de mestrado profissional t&ecirc;m n&iacute;vel de excel&ecirc;ncia, de acordo com a avalia&ccedil;&atilde;o da Capes (Coordena&ccedil;&atilde;o de Aperfei&ccedil;oamento de Pessoal de N&iacute;vel Superior). De acordo com os resultados divulgados no web site da Capes, 49 programas de mestrado profissional tiveram a nota m&aacute;xima de 5, na Avalia&ccedil;&atilde;o Quadrienal 2017. Ao todo, foram 701 cursos avaliados.</p>

<p>Pela listados excelentes est&atilde;o programas de mestrado profissional no ramo de administra&ccedil;&atilde;o de organiza&ccedil;&otilde;es de ensino superior de prest&iacute;gio como, tendo como exemplo, FGV-SP, FGV -RJ, Insper, UNB, PUC do Rio, Universidade Estadual de Santa Catarina. Da USP, programas na &aacute;rea de qu&iacute;mica e de ci&ecirc;ncias ambientais tamb&eacute;m tiveram a nota m&aacute;xima da Capes.</p>

<p>Em engenharia ambiental, o mestrado da Uerj bem como est&aacute; na lista. A imposi&ccedil;&atilde;o da Capes &eacute; de conceito tr&ecirc;s para que o reconhecimento do programa pelo Conselho Nacional de Educa&ccedil;&atilde;o ? CNE/MEC seja mantido ou para que seja poss&iacute;vel ampliar o curso de p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o. Somente programas reconhecidos pelo CNE/MEC conseguem expedir diplomas de mestrado e/ou doutorado com validade nacional.</p>

<ul>

[[image http://3.bp.blogspot.com/-LAJgofdbu4Q/V3CwWfdXR6I/AAAAAAAABP4/DQumy1b9UDY1tXedlURAlPWshOZEYHI3wCK4B/s1600/Curso%2BComipems%2B2017%2BTecamac%2B-%2BCoacalco%252C%2BCurso%2BComipems%2B2017%2BTlalnepantla%252C%2BCurso%2BComipems%2B2017%2BTizayuca%2B-%2BNaucalpan%2B-%2BCurso%2BComipems%2B2017%2BEcatepec%2B-%2BM%25C3%25A9xico.JPG&quot;/&gt;

<li>Se a resposta acima foi m&eacute;dia ou p&eacute;ssimo, qual seria o motivo</li>

<li>A m&aacute; distribui&ccedil;&atilde;o dos cursos de mestrado e suas &aacute;reas no territ&oacute;rio nacional</li>

<li>Permanece como professor da mesma entidade at&eacute; os dias de</li>

<li>Fazer an&aacute;lises f&iacute;sico-qu&iacute;micas e microbiol&oacute;gicas pra saneamento do ecossistema</li>

<li>Estrada Vento Sul, 126 - Campeche</li>

<li>Funda&ccedil;&atilde;o Fulbright</li>

<li>Gosta muito de pesquisar</li>

</ul>

<p>Outro ponto interessante a ser cadastrado &eacute; que com a nova organiza&ccedil;&atilde;o escolar, orientada pelos princ&iacute;pios da gest&atilde;o democr&aacute;tica, os professores deveriam assumir o papel de gestores educacionais. Isto exige um posicionamento mais participativo nas perguntas da escola como um todo, e com isto a quest&atilde;o da gera&ccedil;&atilde;o torna-se o eixo central da discuss&atilde;o.</p>

<p>A a&ccedil;&atilde;o conjunta e participativa reivindicada na atual gest&atilde;o educacional poderia cuidar como um meio de se ultrapassar os problemas enfrentadas pelas escolas, onde todos seriam respons&aacute;veis. Pra em t&atilde;o alto grau, percebe-se que a a&ccedil;&atilde;o participativa est&aacute; presente nas escolas, entretanto no significado de preservar um discurso c&iacute;clico de impossibilidades. Os profissionais s&atilde;o solid&aacute;rios uns com os outros na afirma&ccedil;&atilde;o de que “&eacute; muito dif&iacute;cil”. Poder&aacute;-se constatar por meio do que foi levantado nesta procura, que o contexto educacional brasileiro vive um descompasso entre as pol&iacute;ticas educacionais e a a&ccedil;&atilde;o nas escolas. Gostaria de real&ccedil;ar que com esse estudo procurei mostrar como as escolas est&atilde;o enfrentando as transforma&ccedil;&otilde;es que v&ecirc;m ocorrendo no tema educacional, quais seus anseios e suas reivindica&ccedil;&otilde;es.</p>

<p>Segundo Pereira (2008), os professores, de um jeito geral, se v&ecirc;em desgastados em sua profiss&atilde;o, porque o “mestre”, nostalgicamente idealizado de outrora cedeu recinto a um profissional sucumbido a atual massifica&ccedil;&atilde;o tecnol&oacute;gica, a impiedade e a viol&ecirc;ncia discente. Existe um mal-estar instalado nas escolas que se evidencia no posicionamento dos profissionais docentes diante dos percal&ccedil;os di&aacute;rios do local escolar. Estes se descobrem desacreditados com tua pr&aacute;tica e envoltos por sentimentos de impossibilidade e solid&atilde;o. Por isso, regresso a d&uacute;vida que deu contorno a essa pesquisa, “&eacute; dificultoso, &eacute; muito dif&iacute;cil”, pra atender ao chamado dos professores e proporcionar-lhes um recinto de abertura para a apresenta&ccedil;&atilde;o de seus anseios.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License